Belenenses 2 – 0 F.C. Porto Erros próprios ditam 2ª derrota da época

img_1177

Custa escrever alguma coisa quando dói a alma e o coração azul e branco. Dizem que dormir ajuda mas na prática não detecto nada disso. Continua a doer. Muito! Perder assim por erros próprios num jogo muito importante foi a última coisa que passou pela cabeça da maioria de nós. Mas foi o que aconteceu. Perdemos a liderança e agora somos nós a correr atrás. Se já era difícil mais difícil ficou. Todavia, existe ainda um factor importante nesta história que começou bonita e ameaça acabar feia, dependemos de nós!

cruzamentos

Adeptos: Têm feito um campeonato exemplar. 28 jogos 28V 0E 0D. Goleadas em todos os jogos. Não tremem nem acusam a pressão. Chuva, Sol, longe ou perto… Não falham!

Alex Telles e Danilo: O jogo em Belém marcou o regresso de 2 jogadores importantes. Alex foi mesmo titular e jogou como sempre. Fez o flanco todo sem medo de recaídas e em termos de produção foi o normal: 52 passes, 8!! para finalização, 3 remates (1 com muito perigo a passar ligeiramente por cima da barra) e foi o jogador que mais vezes tocou na bola, 98! Danilo entrou aos 72´ mas pouco acrescentou. Contudo ficam os minutos para um jogador muito importante para o que resta da temporada.

Balões

Equipa: É notório que a equipa está numa fase descendente. Tanto física como mentalmente. Após a vitória com o Sporting, pouco brilhante, têm sido más exibições, muita vontade mas muito pouca lucidez. Esta pausa para as seleções que supostamente ia ser benéfica, na prática não conseguimos tirar proveito. Continuámos a esbarrar em equipas que se fecham e não temos plano B. Acusámos muito os golos sofridos e em vez de jogar com calma e cabeça, passámos logo para o coração e quando é assim fica difícil. Falhamos atrás e na frente é tudo a monte a despejar bolas sem sentido. A prova disso é o facto de ontem ter sido o jogo em que mais rematamos (31), mais bolas na área adversária (67) e mais passes para finalização (25) tivemos até agora. No entanto o resultado foi zero!

Centrais: Tanta intranquilidade. Tantas indecisões. Não se compreende o porquê. Com Osório a fazer a estreia com a camisola do F.C. Porto era importante ter alguma tranquilidade e principalmente ajuda do companheiro do lado. Nada disso aconteceu. Se a falta de tranquilidade até se percebe por ser a estreia, a ajuda de Felipe tanto deixou a desejar que provocou maior intranquilidade. O erro no 1º golo é completamente inadmissível e no 2º golo, Maurides marca na zona dos centrais. Não pode acontecer. Muito mau.

belemFCP stats2

Segue-se o Aves no Dragão. Isto ainda não acabou. Não podemos atirar a toalha e oferecer de bandeja o campeonato aqueles mafiosos que fazem o trabalho de bastidores há muito tempo. Quando em Dezembro, o fosso para o 1º classificado devia ficar maior não deixaram e mantiveram os lampiões vivos. Agora somos nós a não aguentar a pressão. E como já sabemos como as coisas funcionam com a pressão jogaremos sempre depois deles. É grão a grão que a galinha enche o papo e nós não estamos a ser capazes de contrariar isso em campo já que fora dele continuamos a ser comidos! É urgente reunir as tropas, principalmente os mais experientes , Casillas e Maxi, olhar para o que foi feito de bom até aqui – e foi muita coisa bem feita – analisar onde estamos a errar e lutar até à última gota de suor pela conquista do título. Faltam 6 jogos e sabemos que se os ganharmos somos campeões. A bola está do lado da equipa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s