F.C. Porto – Liverpool Os Jogos que o Dragão Gosta

fcpliverpool

Chegou a semana de Champions onde a única equipa Portuguesa presente é a equipa que em Agosto partiu para esta competição como a menos capaz, entre as Portuguesas, de seguir em frente. O plantel pequeno do clube “intervencionado” chegou aos oitavos de final para desgosto dos freteiros e lambedores da capital.

No jogo contra o Liverpool no Estádio do Dragão, O F.C. Porto vai disputar o jogo 232 na 32ª participação da Taça dos Campeões Europeus/Liga dos Campeões. Apresenta 103 vitórias 55 empates e 73 derrotas. Tem 341 golos marcados e 253 sofridos e conta com 2 títulos no palmarés. O Liverpool é também um histórico do futebol europeu e já conta com 5 títulos em 22 participações. Tem 189 jogos com 105 vitórias 44 empates e 40 derrotas. 351 golos marcados e 162 sofridos.

O F.C. Porto só por 4 vezes se encontrou com a equipa da cidade dos Beatles e nunca ganhou. 2 empates em casa (0-0 e 1-1) e 2 derrotas fora (0-2 e 1-4).

Os grandes jogos europeus de volta a um Dragão cheio e apoiar a equipa de inicio ao fim. Um jogo em que se espera um grande espectáculo com duas equipas ofensivas, sempre à procura do golo e com grandes valores individuais. É importante aproveitar o factor casa, principalmente contra equipas inglesas, uma vez que jogar em Inglaterra tem sido um pouco agreste para o Dragão. Espero um F.C. Porto à imagem do que tem sido esta época. Aguerrido, atrevido e motivado. Sabemos a importância destes jogos para o clube e jogadores mas não podemos esquecer e descurar o objectivo principal da época.

A minha equipa:

Sá; Ricardo, Reyes, Marcano e Telles; Herrera, Sérgio Oliveira e Otávio; Marega, Brahimi e Soares

Sem título

Sr. Fontelas Gomes, foi preciso um clube da capital chorar para o senhor vir esclarecer um erro de arbitragem? Porquê? Foi por ser um clube da querida capital e só esses contam na sua cabeça ou foi por ser uma má interpretação do protocolo do IFAB? Uma vez que o Senhor nada esclareceu noutros lances em que o mesmo protocolo não foi cumprido – um desses lances foi o golo anulado ao F.C. Porto em casa, com o outro clube da capital, em que o Sr. Jorge Sousa não devia ter apitado num caso iminente de golo para depois verificar com o apoio do VAR. Assim diz o protocolo – só podemos entender que é por ser um clube da capital. Mais uma vez, tudo que não é de Lisboa só conta para o Totobola. Já assim foi com o seu antecessor que veio esclarecer os erros de arbitragem depois de um certo clube emitir o mais vergonhoso comunicado que há memória.

E o Senhor Presidente da FPF vai continuar a assobiar para o lado? Vai apenas continuar a dizer basta para os jornais e tirar fotografias quando alguma selecção ganha um título? Vai continuar a compactuar com esta dualidade de tratamento? Quem o vir até parece que está preso no trânsito do IC19!

la-une-du-quotidien-sportif--a-bola--du-22-septembre-2017--abola

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s